Sinal verde para a ampliação do Aeroporto de Linhares

Nesta segunda-feira (30) foi assinada a ordem de serviço para a ampliação do Aeroporto de Linhares. A obra – que já foi licitada – deve gerar 150 empregos diretos e atenderá a demanda de passageiros para voos regionais e executivos das Regiões Norte e Noroeste do Espírito Santo, além de servir como alternativa para voos que pousariam na capital

Convênio

CONTINUE LENDO APÓS A PUBLICIDADE

 

A ampliação será realizada por meio de um convênio entre Governo Federal e Governo do Estado e será executada pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Espírito Santo (DER-ES).

A expectativa é de que as obras, que devem custar aproximadamente R$ 30 milhões, durem um ano. Com a ampliação, o Aeroporto  de Linhares terá uma nova pista de pouso e decolagem (que passará de 1350mx30m para 1860x45m) com capacidade de receber aeronaves com mais de 130 passageiros.

A pista de táxi existente será melhorada e o pátio das aeronaves ampliado. Essas intervenções permitirão que o aeroporto, que hoje opera com voos particulares, receba aeronaves de maior porte.